VENHA SER UM EEVVA

A SOBEF Sociedade Brasileira de Enfermagem Forense, recebeu treinamento e capacitação de enfermeiros forenses americanos para atender vítimas de violência e agressão sexual, bem como os perpetradores. Os membros receberam a certificação de SANE (Sexual Assault Nurse Examiner), dessa forma surgiu o EEVVA um curso de 40 horas teórico prático que é realizado com modelos vivos.  


Violência contra a mulher – Fatos importantes à conhecer

As Nações Unidas definem a violência contra as mulheres como “qualquer ato de violência de gênero que resulte ou possa resultar em dano físico, sexual ou mental ou sofrimento às mulheres, incluindo ameaças de tais atos, coerção ou privação arbitrária de liberdade, seja na vida pública ou na vida privada. ” A violência por parceiro íntimo refere-se ao comportamento de um parceiro íntimo ou ex-parceiro que causa dano físico, sexual ou psicológico, incluindo agressão física, coerção sexual, abuso psicológico e comportamentos … Continue lendo.


II CONGRESSO INTERNACIONAL DE ENFERMAGEM FORENSE

Em março irá ocorrer o II CONGRESSO INTERNACIONAL DE ENFERMAGEM FORENSE em São Paulo na cidade de Jaguaríuna. Este evento contará com convidados internacionais e palestrantes de diversos estados com expertise na área forense Brasileira. Venha conhecer um pouco mais sobre Enfermagem Forense. Pré inscrições aqui: https://g7.apprbs.com.br/cief



Manual de Enfermagem Forense

Disponível para associados.  Veja o conteúdo: CAPÍTULO 01 A VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA A MULHER: UM DESAFIO PARA A ENFERMAGEM BRASILEIRA Juliana de Oliveira Musse Silva; Cristina Braga; Karen Ruggeri Saad; Marcia Koike CAPÍTULO 02 APARATO ÉTICO E LEGAL PARA ATENDIMENTO DAS VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA SEXUAL Taciana Silveira Passos; Marcos Antônio Almeida-Santos CAPÍTULO 03 ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM À VÍTIMA DE VIOLÊNCIA SEXUAL Aloísio Olímpio; Maria José dos Reis; Juliana de Oliveira Musse Silva; Luciana Simões; Paola Rachel; Carmela Alencar; Karen Beatriz … Continue lendo.


EU SOU APENAS UM ENFERMEIRO FORENSE

Homenagem da Sociedade Brasileira de Enfermagem Forense a todos os Enfermeiros Forenses Brasileiros que lutam, através de seu trabalho  por uma sociedade mais justa e igualitária.   Sugerimos que antes de ler o texto “EU SOU APENAS UM ENFERMEIRO FORENSE” assista o vídeo da palestra no youtube da Dra. Suzanne Gordon intitulada “I Just a Nurse”, tradução para o português do Brasil “Eu sou apenas um Enfermeiro.” Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=oPEbxj_aCFo.   EU SOU APENAS UM ENFERMEIRO FORENSE Por Mônica Chaves … Continue lendo.


II CONGRESSO NACIONAL DE ENFERMAGEM FORENSE – ON LINE

Participe do II Congresso Nacional de Enfermagem Forense. 🔍👩‍⚕👨🏽‍⚕️ Com o Tema: Violências e suas Consequências em Tempos de Pandemia de COVID 19🦠 O CEQUALE em parceria com a SOBEF (Sociedade Brasileira de Enfermagem Forense), realizarão o evento nos dias 16 e 17 de Abril (Online) ▶️ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 🏥 Debates com especialistas da área Forense de todo o Brasil sobre o aumento da violência e suas consequências para a saúde pública, bem como o papel da Enfermagem Forense e atuação no … Continue lendo.


Pós Graduação em Enfermagem Forense Cequale

Pós Graduação em Enfermagem Forense. Aulas online (ao vivo) com contato com os professores e alunos da turma. Tire suas dúvidas e interaja com seus colegas de sala, realizando networking com profissionais de vários estados do Brasil. Novas turmas. 🔍Turma iniciando 21 de Maio. 🔍As matrículas já estão abertas! Matrícula com desconto no link: http://bit.ly/posforense Clique no link abaixo e saiba mais. ENF. FORENSE.(pdf)


Para Mariana Lua

Reza a lenda que Maria , quando nua, queria ser Lua. Quando Lua, Maria nua brilhava mais do que o sol. Mas o homem, um dia na rua viu Maria semi Lua com brilho Girassol, e arrancou sua pele crua. Achando que ela nua, não seria mais Sol.   Diga não a abuso sexual. A culpa é do abusador e não da vítima.


Setembro amarelo – estratégias de prevenção ao suicídio

O dia organizado pela Associação Internacional para a Prevenção do Suicídio, é 10 de setembro. Identificar grupos vulneráveis e agir de forma individual com foco na prevenção são estratégias importantes no sentido de minimizar os danos que essa prática traz para as vítimas. Frequentemente, vários fatores de risco agem cumulativamente para aumentar a vulnerabilidade de um indivíduo ao comportamento suicida. Fatores de risco associados ao sistema de saúde e à sociedade que incluem dificuldades de acesso a cuidados de saúde, … Continue lendo.