SOBEF – Presença confirmada no CONDEPE

 CONDEPE – Congresso de Desenvolvimento Profissional em Enfermagem reúne em abril especialistas renomados, trazendo o que há de mais relevante em especialidades e práticas em enfermagem para os desafios e as perspectivas para o milênio, objetivando a promoção do conhecimento aos profissionais e estudantes que compõe a equipe de enfermagem. Estarão presentes neste evento os Sobefianos: Aloisio Olímpio Carmela Alencar Cristina Braga Juliana Musse Maria José dos Reis Você não pode perder. Saiba mais: Para inscrições no Congresso CONDEPE clique no … Continue lendo.



Webinar Gratuito – Suicídio prevenção e intervenção direcionado ao profissional de saúde

Este Webinar foi concebido para aumentar a conscientização sobre o suicídio e fornecer técnicas práticas de intervenção. Além de compreender os mitos e as razões por trás do suicídio, também é imperativo avaliar a letalidade do suicida.  Os especialistas concordam que 80% -90% dos indivíduos que tem praticam o suicídio muitas vezes comunicam sua intenção suicida a alguém. Para os não treinados, essas comunicações geralmente sutis são frequentemente ignoradas, razão pela qual uma intervenção bem-sucedida, aplicada por pessoas treinadas em prevenção de suicídio … Continue lendo.


SOBEF acontece – Profa Juliana Musse apresenta o Protocolo de Preservação de vestígios forenses a Deputada Goretti Reis

No dia 26 de julho de 2019, a Sobefiana profa Doutoranda Juliana Musse, apresentou a Deputada Goretti Reis a sua tese de doutorado que irá abordar a  coleta de vestígios em unidades de urgência e emergência, demonstrando  a necessidade de preservação e  coleta de vestígios em vitimas de violência. Parabéns Juliana, esse é um grande passo para enfermagem forense no Brasil.  


Cuidados na coleta de evidência de vítimas de agressão sexual

Ao realizar uma avaliação  de uma vítima de agressão sexual alguns cuidados devem ser tomados que envolvem a coleta de provas e os kits de coleta. Um dos cuidados é que as vítimas devem ser encorajadas a ir imediatamente a uma unidade de saúde ou caso seja atendida em casa e a vitima deve ser orientada a  NÃO  tomar banho, ou trocar de roupa, NÃO lavar a região que foi afetada, evitar urinar, defecar, lavar a boca, limpar unhas, fumar, comer … Continue lendo.


WEBINAR gratuito -Consequências da Violência contra a gestante – Apresentação de casos

Este WEBINAR utiliza relatórios de vítimas e observações de policiais do local dos incidentes de violência contra parceiros íntimos envolvendo vítimas grávidas, irá descrever os extensos riscos de danos para os pares mãe-feto vitimados pela violência praticada pelo parceiro íntimo. Os tópicos incluem: prevalência, características de incidentes / ambiente, estresse tóxico, mortalidade infantil e materna, fatores de risco urbano-  versus rural prevenção, triagem e intervenções eficazes para este tipo de violência.  Quando: Ter, 23 de julho de 2019 13:00 – 14:00 … Continue lendo.


Violência contra a gestante por parceiro íntimo – Consequências para mãe e bebê

A violência contra as mulheres, cometida por um parceiro íntimo, é uma importante questão de saúde pública e direitos humanos. Nos últimos anos, muita atenção tem se concentrado também na violência do parceiro íntimo durante gravidez devido à sua prevalência, e as consequências adversas para a saúde da mãe e do feto e potencial de intervenção. Violência por parceiro íntimo durante a gravidez A violência por um parceiro íntimo é manifestada por atos abusivos físicos, sexuais ou emocionais, bem como … Continue lendo.


As diversas faces da violência contra o idoso

Com o processo de envelhecimento mundial um fato vem chamando  a atenção da sociedade  – O abuso, a violência e a negligência, muitas vezes invisíveis, experimentados por pessoas mais velhas – principalmente mulheres – em todo o mundo. A violência contra as mulheres idosas  é generalizada e oculta. Este ato vil ocorre de várias maneiras, infligidas por vários autores, incluindo parceiros íntimos ou cônjuges, membros da família, cuidadores, tanto em lares e instituições, quanto membros da comunidade. No entanto, dados confiáveis ​​e … Continue lendo.


Respostas emocionais de crianças vítimas de trauma – Como reconhecer

Crianças que sofreram traumas complexos podem ter dificuldade em identificar, expressar e gerenciar emoções, e apresentar  linguagem limitada para expressar seus  sentimentos. Essas crianças muitas vezes internalizam e / ou externalizam as reações de estresse e, como resultado, podem experimentar estados de depressão, ansiedade ou raiva significativas. Suas respostas emocionais podem ser imprevisíveis ou explosivas. Uma criança pode reagir a um lembrete de um evento traumático com tremor, raiva, tristeza ou tentar evitar a lembrança. Para uma criança com uma história complexa de … Continue lendo.


WEBINAR gratuito – O impacto do trauma no desenvolvimento infantil – O que precisamos saber

Este Webinar irá apresentar uma visão geral do impacto do trauma no corpo e na mente durante o crescimento e desenvolvimento infantil.  Será apresentado o impacto específico do trauma sobre as crianças e mostrará como isso afeta o desenvolvimento e o comportamento em diferentes idades, até a fase adulta. Os conceitos de trauma Inter geracional e fetal. Crianças cujas famílias e lares não proporcionam segurança, conforto e proteção adequados,  podem desenvolver formas de enfrentamento próprias a esta situação,  para que … Continue lendo.


Conhecendo as evidências forenses em casos de abuso infantil

Quando de fato pode ser considerada agressão em uma criança ou pode ser acidente? Quando se pode considerar um mecanismo de lesão potencialmente fatal para uma criança? Os jurados frequentemente não entendem a força que deve ser usada para infligir muitas lesões da pele, nos ossos  e no abdômen de crianças pequenas e bebês, nem apreciam o estado mental em que um agressor estava quando infligiu a lesão. Além disso, podem ter dificuldade em diferenciar o abuso da disciplina, dependendo de … Continue lendo.


Junho Violeta – O mês de combate a violência contra o idoso

O dia 15 de junho é marcado como o “Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa”, que foi instituída em 2006 pela Organização das Nações Unidas” e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência contra  à Pessoa Idosa. Representa o único dia do ano em que o mundo inteiro manifesta sua oposição ao abuso e sofrimento infligido aquele que envelheceu. Com o aumento cada vez maior da população idosa, no Brasil e no mundo, a conscientização do respeito … Continue lendo.